domingo, 28 de janeiro de 2018

Los três mofinos

Cães da guarda da burguesia imoral que tomou o poder no país atiçada pela máfia midiática, os juízes da Lava Jato retribuem com bônus o dinheiro de supersalários, que recebem exatamente para fazer o que estão fazendo. Por essa razão, merecem ser lembrados para sempre.

MALANDRO MÓR
Soneto 23

Encontrando pela frente um bandido
Todos têm a chance de se sair bem:
Se o vilão dá um cochilo
É mandá-lo para o além.

Outro tipo descarado também
De se dar mal corre sério risco:
O diabo sabe que não convém
Encher o saco de Jesus Cristo.

Mas existe na natureza um tipo
Para quem o diabo é aprendiz
E a malandragem do bandido

É mesmo de fazer rir.
Encontrá-lo é o maior perigo:
Esse tipo é o juiz.

(Cibio Bote. A burguesia e seus amigos).

JEOSAFÁ, professor, foi da equipe do 1o. ENEM, em 1998, e membro da banca de redação desse Exame em anos posteriores. Compôs também bancas de correção das redações da FUVEST nas décadas de 1990 e 2000. Foi consultor da Fundação Carlos Vanzolini da USP, na área de Currículo e nos programas Apoio ao Saber e Leituras do Professor da Secretaria de Educação de São Paulo. É escritor e professor Doutor em Letras pela Universidade de São Paulo. Autor de mais de 50 títulos por diversas editoras, entre os quais O jovem Mandela (Editora Nova Alexandria);   O jovem Malcolm X A lenda do belo Pecopin e da bela Bauldour, tradução do francês e adaptação para HQ do clássico de Victor Hugo, pela editora Mercuryo Jovem. Leciona atualmente para a Educação Básica e para o Ensino Superior privados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário